• Equipe AFIT Comunica

Desvantagens da depilação com lâmina


Conhecida como a maneira mais popular e rápida para a eliminação dos pelos indesejados, a lâmina pode trazer algumas desvantagens e probleminhas chatos.


Muitas mulheres acabam aderindo à depilação com lâmina nas pernas, axilas e virilhas por falta de tempo ou por uma questão econômica. Ela pode até ser uma maneira prática e salvar em algumas emergências, mas se você pretende manter uma pele saudável, a lâmina não é indicada.


Veja o por quê:


Irritações


Quando a lâmina entra em contato com sua pele, pode causar vários tipos de irritações, e entre elas está a foliculite.


O que é foliculite?


É uma inflamação de um ou mais folículos pilosos (estrutura que fica localizada na hipoderme, onde crescem os pelos) e pode ocorrer em qualquer lugar da pele. Costuma ser mais comum no rosto e na virilha, e a irritação pode ser superficial ou profunda.


A foliculite profunda é mais rara de acontecer, e pode inclusive levar ao surgimento de furúnculos.


Entre outras irritações, também é muito comum o aparecimento de pelos encravados, vermelhidão e coceira.


Maior frequência


Este é outro motivo considerável. A lâmina não arranca os pelos pela raiz, e por conta disso, depois de um ou dois dias, eles já estão crescendo de volta. Dessa maneira, a depilação precisa ser refeita com frequência, e isso pode causar vários tipos de irritações, como vimos no tópico anterior.


Vale lembrar, que o pelo não engrossa por causa da depilação com lâmina. É um mito.


Não é econômico


Lâminas novas, de boa qualidade e que sejam desenvolvidas para o seu tipo de pele, não possuem um preço tão acessível assim.


Para uma boa depilação é necessário que as lâminas estejam novas, com os cortes afiados. Depois de algum tempo de uso, as lâminas ficam cegas e acabam deixando os pelos encravados e provocando ferimentos. Não insista na utilização depois que ela não tiver mais corte, sua pele será prejudicada e pode te custar alguns tratamentos, pesando ainda mais no seu bolso.


Não é sustentável


Você sabia que depois de descartado, o barbeador de plástico vai ficar aqui durante 400 anos prejudicando o ecossistema local? Apesar de ser reciclável, ele não é reciclado.


Para uma reciclagem correta, é preciso que a lâmina seja separada do plástico e que uma boa quantidade seja acumulada, e por ser um processo trabalhoso, isso não acontece. Todos são descartados para o lixo comum.


-


As desvantagens são muitas! Por isso, opte por uma depilação a laser.


Com ela, você elimina os seus pelos indesejados gradativamente e de forma duradoura. Esse tipo de eliminação é menos agressiva para a pele e garante cuidado, por mantê-la bonita e saudável durante o tratamento.


14 views0 comments