• Equipe AFIT Comunica

A Importância da Doação de Sangue



Você sabia que hoje é celebrado o Dia Nacional do Doador de Sangue? Este ano, hemocentros de 14 estados brasileiros e do Distrito Federal se uniram em uma ação inédita, que tem o objetivo de ressaltar a importância dessa prática e estimular as pessoas a doar.


O isolamento social provocado pela pandemia chegou a reduzir em 50% o número de doações de sangue em algumas regiões do Brasil, e por isso a situação é ainda mais crítica nesses locais. De acordo com o Ministério da Saúde, 1,8% da população brasileira doa sangue regularmente. O índice fica um pouco abaixo dos 2% recomendados pela Organização Pan-Americana da Saúde, e é consideravelmente menor que o da Europa, onde cerca de 5% da população são doadores frequentes.


Orientações para a doação de sangue


A doação de sangue é um procedimento totalmente seguro, que não interfere na saúde do doador. A recuperação acontece imediatamente, sem qualquer efeito colateral. Antes de doar, a pessoa precisa passar por uma entrevista, em que responde a algumas perguntas para garantir sua segurança e dos pacientes que receberão o sangue doado. Por isso, se você decidir doar sangue, é importante responder as perguntas com sinceridade.


O sangue coletado na doação tem seus componentes separados em hemácias, plaquetas e plasmas. Assim, um único doador pode ajudar mais de um paciente. Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido até os 60 anos. O doador também deve pesar mais de 51 quilos e ter IMC maior ou igual a 18,5.


O doador precisa apresentar um documento original com foto, e os menores de idade precisam, também, de autorização dos responsáveis legais. A recomendação é não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação e não fumar duas horas antes da doação.


Fique atento também ao intervalo entre as doações: homens podem doar a cada dois meses, no máximo quatro vezes por ano. Já as mulheres precisam de um período maior entre as doações: três meses, no máximo três vezes por ano.


Pessoas diagnosticadas com Covid-19 precisam aguardar 30 dias após o desaparecimento completo dos sintomas para doar sangue. Quem teve contato com pessoas que testaram positivo ou com suspeita do novo coronavírus deve esperar 14 dias. Se você está bem de saúde, faça a sua parte! Doar sangue é um gesto de amor e salva vidas!







8 views0 comments

Recent Posts

See All